3 sites estrangeiros para entender o futuro do Direito

O setor jurídico está atravessando um período de mudanças sem precedentes durante a pandemia da COVID-19, exigindo de todos nós, profissionais do Direito, atualização permanente. Desse modo, hoje compartilho com você, leitor(a), três sites estrangeiros que acesso frequentemente para me manter atualizado sobre as tendências do mundo jurídico.

3 sites estrangeiros para entender o futuro do Direito

Confira, então, as indicações:

1. Legal Futures

sites estrangeiros 01

O site britânico publica diariamente conteúdos sobre o presente e o futuro do Direito. Composto de um time de jornalistas, com eventuais participações de convidados, o portal reúne, em síntese, publicações sobre inteligência artificial, acesso à justiça, legaltechs, tecnologias jurídicas, inovação, tendências do universo jurídico e novos modelos de negócios.

  • Clique AQUI para acessar o site.

É provável que você goste:

6 podcasts estrangeiros para entender o futuro do Direito

2. Law.com

sites estrangeiros 02

Um dos portais mais completos sobre o campo do Direito. Diariamente, aliás, o site disponibiliza conteúdos sobre as tendências do mundo jurídico, além de entrevistas com especialistas. Só para ilustrar, confira algumas categorias do Law.com: gestão de escritório de advocacia, gestão de prática jurídica, tecnologia jurídica e propriedade intelectual.

  • Clique AQUI para acessar o site.

3. Legal Cheek

Fundado em 2011 por um ex-jornalista do The Guardian, o site se tornou uma das principais fontes de jurídicas do Reino Unido. Em suma, o portal reúne conteúdos voltados para advogados, oferecendo insights sobre novos modelos de negócios, tendências do universo jurídico, além de indicações de leituras para compreender o “novo mundo” do Direito.

  • Clique AQUI para acessar o site.

Gostou das indicações de sites estrangeiros para entender o futuro do Direito?

Aliás, faltou algum portal de conteúdo importante? Deixe seu comentário abaixo!


Quer estar por dentro de tudo que envolve Direito, inovação e novas tecnologias?

Então, siga-me no Facebook, Instagram e LinkedIn e acompanhe conteúdos diários para se manter atualizado.

Bernardo de Azevedo

Advogado, empreendedor, professor e pesquisador de novas tecnologias. Acredita no poder da informação como forma de incentivar as pessoas a promover mudanças.

Anterior

Os quatro modelos de audiências judiciais durante a pandemia

Próximo

Advogados corporativos estão ansiosos, estressados e cansados, revela pesquisa