Escritórios de advocacia planejam entrar no metaverso, revela pesquisa

Compartilhe este conteúdo

Uma pesquisa divulgada pela consultoria de marketing jurídico LETS Marketing revelou que 67% dos escritórios de advocacia pretendem entrar no metaverso, para expandir sua atuação e oferecer novos serviços. Conforme o levantamento, intitulado Metaverso no mercado jurídico, há expectativas de que tudo ocorra ainda em 2022.

A pesquisa, conduzida entre os meses de janeiro e fevereiro de 2022, contou com 26 advogados representantes de 22 escritórios de advocacia, que, juntos, possuem cerca de 940 profissionais. Em síntese, os participantes apontam o metaverso como “uma tendência irreversível”, “questão de sobrevivência” e “o futuro da advocacia”.

Mais de 74% dos respondentes assinalaram que o metaverso mudará significativamente o mercado jurídico. Além disso, 44% dos advogados participantes já reservam receitas para investir no metaverso. Contudo, a maior parte dos profissionais não sabe ao certo a quantia necessária para construir uma sede virtual nesse ambiente.

  • Clique AQUI para acessar a pesquisa

Escritórios de advocacia planejam entrar no metaverso

Veículos de comunicação como Folha de S. Paulo, Valor Econômico e Consultor Jurídico têm divulgado iniciativas de escritórios de advocacia. A Folha de S. Paulo publicou uma matérias destacando que as bancas estão investindo na criação de versões digitais de seus espaços físicos no metaverso, para impulsionar o alcance dos serviços.

Já a Valor Econômico informou que os profissionais da advocacia já estão sendo demandados sobre teses tributárias relacionadas ao metaverso. Conforme a matéria, aliás, “as consultas dos clientes pedem desde auxílio com regras de proteção de dados e de uso de bitcoins até assessoria para implementação de marketplaces de NFTs”.

É provável que você goste:

Escritórios de advocacia devem investir no metaverso?

Todo esse movimento vem se intensificando desde que o Facebook mudou seu nome para Meta, em outubro de 2021. Escritórios como Grungo Colarulo (EUA), que lançou uma versão digital do escritório na Decentraland, passaram a enxergar no metaverso um espaço fértil para expandir sua atuação e oferecer novos serviços para seus clientes.

No Brasil, conforme noticiado pelo Consultor Jurídico, o escritório paulista Viseu Advogados foi pioneiro ao lançar uma sede virtual no metaverso, em fevereiro de 2022. A iniciativa buscou reproduzir o ambiente físico do escritório, com vista para a Vila Olímpia, na zona sul de São Paulo. Veja, em síntese, um tour virtual do escritório de advocacia:

O que mais vem por aí? Aguardemos as cenas dos próximos capítulos.


Enfim, quer estar por dentro de tudo que envolve Direito, inovação e novas tecnologias?

Siga-me, então, no FacebookInstagram e LinkedIn e acompanhe conteúdos diários para se manter atualizado.

Bernardo de Azevedo

Bernardo de Azevedo

Advogado. Doutorando em Direito (UNISINOS). Mestre em Ciências Criminais (PUCRS). Especialista em Computação Forense e Segurança da Informação (IPOG). Professor dos Cursos de Pós-Graduação em Direito da Universidade FEEVALE e da Universidade de Caxias do Sul (UCS).
Rolar para cima
× Como posso te ajudar?