Grupo de pesquisa lança fórum para reunir conteúdos sobre Direito Digital

O Grupo de Estudos em Direito Digital (GEDD), de iniciativa do professor Juliano Madalena, lançou um fórum livre para reunir conteúdos e discussões sobre Direito Digital. Em pouco mais de uma semana, o site reúne mais de 35 tópicos, mais de 350 mensagens, e conta com mais de 80 usuários. Conforme Juliano Madalena, administrador do fórum:

A ideia é recuperarmos as discussões assíncronas, em que o usuário possa ler com profundidade as discussões e com isso realize sua manifestação para contribuir com o conhecimento coletivo. – Juliano Madalena

Fórum livre sobre Direito Digital

De acordo com Valentine Marzulo Reverbel, uma das moderadoras do fórum:

O fórum tem o objetivo de fomentar as discussões sobre as novidades tecnológicas que tocam todas as áreas do direito. Aberto para pessoas de todos os cursos, a ideia é que os debates não tenham fronteiras e que o fórum seja construído em comunidade. – Valentine Marzulo Reverbel

direito digital 01

É provável que você goste:

TJGO vai instalar laboratório de inovação e inteligência

Categorias do fórum

Cada vez mais utilizados, em especial durante a pandemia, os contratos eletrônicos integram uma das categorias do site. O fórum também conta com uma categoria própria para discussões relacionadas à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Inteligência artificial, direito à informação e jurimetria são, em suma, outras três importantes categorias do fórum livre.

Indicações bibliográficas

Um dos destaques do fórum é categoria de indicações bibliográficas. Nela, em síntese, os membros podem publicar sugestões de livros sobre Direito Digital para o crescimento intelectual da comunidade. Além disso, os participantes podem inserir resenhas de livros relacionados a livros de sociologia e tecnologia, com críticas ou links para acessar as obras.

Clique AQUI para conhecer o fórum livre.


Quer estar por dentro de tudo que envolve Direito, inovação e novas tecnologias?

Então, siga-me no FacebookInstagram e LinkedIn e acompanhe conteúdos diários para se manter atualizado.

Bernardo de Azevedo

Advogado, empreendedor, professor e pesquisador de novas tecnologias. Acredita no poder da informação como forma de incentivar as pessoas a promover mudanças.

Anterior

TJGO vai instalar laboratório de inovação e inteligência

Próximo

Em 1929, juiz teve sentença anulada por usar máquina de escrever