Pandemia terá impactos duradouros na advocacia, sugere pesquisa

Recente pesquisa divulgada pela MyCase revelou que a adoção de tecnologia em escritórios de advocacia aumentou significativamente durante a pandemia. O survey demonstra, além disso, que a maioria dos profissionais acredita que a COVID-19 terá impactos duradouros na forma como os escritórios de advocacia conduzem suas atividades.

Sistemas de videoconferência pós-pandemia

De acordo com a pesquisa, uma parte significativa dos escritórios de advocacia não utilizava sistemas de videoconferência antes da pandemia. Dos 819 profissionais entrevistados pela MyCase, 64% (o equivalente a 529 profissionais) implementaram dispositivos de videochamadas após o início do regime de isolamento social (março de 2020):

impactos duradouros 01

É provável que você goste:

Escritórios de advocacia que usam tecnologia ganham quase 40% mais

A pandemia terá impactos duradouros na advocacia

O levantamento revela que os impactos da pandemia serão duradouros. Só para ilustrar: 69% dos participantes da pesquisa afirmaram que a COVID-19 impactará significativamente a maneira como seus escritórios de advocacia operam. Já 76% responderam, em suma, que os efeitos de longo prazo serão sentidos até mesmo no sistema judicial:

impactos duradouros 02

Este é o momento de trabalhar em sistemas, políticas e cultura de equipe. Use esse tempo de inatividade para renovar sua empresa por dentro, de modo que esteja bem preparada para lidar com um volume maior de trabalho quando a pandemia acabar. – Ilona D. Anderson (Saenz & Anderson, PLLC)

Softwares de gestão jurídica

Ainda conforme o survey, 90% dos respondentes acreditam que softwares de gestão jurídica serão essenciais para que seus escritórios de advocacia se mantenham operando remotamente. Em resumo 478 responderam que “concordavam plenamente”, 207 que “concordavam” e 54 que “de certo modo concordavam” com a relevância dos softwares:

 

Um bom software de gerenciamento de casos online realmente faz uma grande diferença. Pegue, aprenda, use. – Rebecca Pescador (Whole Family Legal, LLC)


Quer estar por dentro de tudo que envolve Direito, inovação e novas tecnologias?

Siga-me no FacebookInstagram e LinkedIn e acompanhe conteúdos diários para se manter atualizado.

Bernardo de Azevedo

Advogado, empreendedor, professor e pesquisador de novas tecnologias. Acredita no poder da informação como forma de incentivar as pessoas a promover mudanças.

Anterior

TJRR cria comitê de proteção e privacidade de dados

Próximo

TJRR inaugura laboratório de inovação e inteligência