TRE-SE inaugura laboratório de criatividade e inovação

O Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE) inaugurou recentemente um laboratório de criatividade e inovação. Batizada de !9SE, a iniciativa terá como objetivo fomentar modelos e práticas de criatividade e inovação. Caberá ao laboratório implementar soluções para promover melhorias na gestão do TRE-SE e nos serviços prestados à sociedade.

Laboratório de criatividade e inovação

O !9SE dispõe, em síntese, de um espaço para realizar oficinas de ideação e mapear oportunidades de inovação junto a servidores e jurisdicionados. As atividades do laboratório serão guiadas por três valores – colaboração, empatia e experimentação –, sendo consideradas, na visão do presidente do TRE-SE, José dos Anjos, como necessárias:

Nós somos o instrumento para a construção do laboratório: um ambiente de ideias inovadoras para que se exerça a criatividade permanentemente. – José dos Anjos (Presidente do TRE-SE)

De acordo com o diretor-geral do TRE-SE, Rubens Lisboa, o laboratório trabalhará em rede, conduzindo oficinas de ideias e experimentação. As atividades do !9SE abrangerão desde o desenvolvimento de trabalhos de criação – como pintura, literatura, fotografia, música, etc. – ao redesenho de “produtos, processos e serviços inovadores”:

As diversas Unidades do TRE-SE poderão divulgar iniciativas institucionais e os servidores, mostrar sua criatividade pessoal, usando a linguagem da arte para estimular novas formas de ver e refletir sobre o mundo e o trabalho. – Rubens Lisboa (Diretor-geral do TRE-SE)

É provável que você goste:

Conheça iJuspLab, o laboratório de inovação da JFSP

laboratório de criatividade e inovação 01
Só para ilustrar: o laboratório fomentará modelos e práticas de criatividade e inovação

Mais laboratórios de inovação

Os tribunais brasileiros estão investindo em peso na criação de laboratórios de inovação, inteligência e criatividade. Entre os labs recentemente inaugurados estão o Labee9, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS); o IluMinas, da Justiça Federal de Minas Gerais (JFMG); e o Inovajurr, do Tribunal de Justiça de Roraima (TJRR).


Enfim, quer estar por dentro de tudo que envolve Direito, inovação e novas tecnologias?

Siga-me, então, no FacebookInstagram e LinkedIn e acompanhe conteúdos diários para se manter atualizado.

Bernardo de Azevedo

Advogado, empreendedor, professor e pesquisador de novas tecnologias. Acredita no poder da informação como forma de incentivar as pessoas a promover mudanças.

Anterior

Advogados devem continuar inovando mesmo depois da pandemia, afirmam especialistas

Próximo

Nathan Hecht: tribunais devem permanecer online após a pandemia