STF adota recursos audiovisuais na edição nº 1.000 de seu informativo

Desde 1995, o Supremo Tribunal Federal (STF) disponibiliza um informativo semanal para apresentar, de forma objetiva, resumos das teses e conclusões dos principais julgamentos da corte. Ao atingir a edição nº 1.000, o STF decidiu inovar no projeto gráfico, adotando recursos audiovisuais para facilitar a compreensão dos leitores.

De acordo com o informativo,

Esta edição especial de aniversário marca a entrega do projeto de modernização da publicação, priorizando a melhoria da experiência dos usuários e implementando uma nova fronteira na difusão de informação da atividade jurisdicional da Corte. – Informativo nº 1.000

Como era e como ficou

Só para ilustrar, esta é a edição do primeiro informativo, disponibilizada em agosto de 1995:

recursos audiovisuais 01

É provável que você goste:

JFRN adota elementos visuais em mandado de citação e intimação de penhora

Já esta é a edição de nº 999 do informativo, lançada em 19 de novembro de 2020:

recursos audiovisuais 02

Confira, agora, uma das páginas da edição nº 1000 do informativo:

Recursos audiovisuais na nova edição do informativo

Como se observa, a nova edição reúne recursos audiovisuais para facilitar a compreensão dos leitores. Logo abaixo do resumo das teses, o informativo disponibiliza botões para que o leitor acesse o vídeo do julgamento e ou escute o áudio do texto. Nota-se, além disso, que a própria redação dos resumos está mais objetiva do que costumava ser.

Entre as inovações (…) está também a apresentação dos resumos de julgamento por meio de infográfico didático, o qual compreenderá não só o resultado dos julgamentos realizados em sessões presenciais, como também as decisões proferidas em ambiente virtual, que já representam mais de 90% dos julgados do STF no ano de 2020. – Informativo nº 1.000

Alguns dos resumos também incorporam ícones vinculados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS’s) com os quais os processos estão relacionados; enquanto outros são complementados com sugestões de leitura de títulos relevantes do acervo da Biblioteca Ministro Victor Nunes Leal, do STF (ícone “Leituras em Pauta”).

Finalmente, o informativo semanal do STF recebe agora código ISSN (International Standard Serial Number). A novidade permite aos leitores referenciar o documento em ambiente acadêmico, e facilita a organização, recuperação e transmissão da publicação em bases de dados automatizadas. Clique AQUI para ler a íntegra do informativo.


Quer estar por dentro de tudo que envolve Direito, inovação e novas tecnologias?

Siga-me no FacebookInstagram e LinkedIn e acompanhe conteúdos diários para se manter atualizado.

Bernardo de Azevedo

Advogado, empreendedor, professor e pesquisador de novas tecnologias. Acredita no poder da informação como forma de incentivar as pessoas a promover mudanças.

Anterior

Susskind: a inteligência artificial será essencial ​​na transformação dos tribunais

Próximo

Nem físicos nem digitais: escritórios de advocacia do futuro serão híbridos